Uêba - Os Melhores Links

quinta-feira, 3 de dezembro de 2015

Lamarckismo






Essa teoria foi assim chamada em homenagem ao cientista francês Jean-Baptiste Lamarck (1744-1829) que formulou a primeira teoria (coerente) sobre a evolução. O lamarckismo tem dois fundamentos básicos: a lei do uso e desuso e a lei de transmissão dos caracteres adquiridos.

A lei do uso e desuso, sugere que o uso de determinado órgão ou estrutura, faça esse órgão ou estrutura desenvolver-se e o oposto também, ou seja, os órgãos e as estruturas que não sejam usadas (o desuso) leva a atrofia.

A lei da transmissão dos caracteres adquiridos, complementa a lei anterior para assim tentar explicar a evolução. Essa lei sugere que os caracteres que foram adquiridos por determinados indivíduos de uma população são passados para geração seguinte (para os descendentes).

Explicações e implicações: o pescoço das girafas...em um ambiente escasso de recursos, a busca por alimento seria mais difícil, não havendo alimento no solo elas precisariam se alimentar das folhas das árvores, pouco a pouco sobrariam aquelas mais altas. As girafas de tanto alongar o pescoço em busca dessas folhas, em outras palavras de tanto “usar” o pescoço (lei do uso e desuso), essa estrutura cresceria e essa característica seria transmitida aos descendentes (A lei da transmissão dos caracteres adquiridos). Todavia sabemos que apesar de determinadas estruturas e órgãos desenvolverem através do uso! Há um limite imposto pela genética que não dá para ser ultrapassado e outra coisa! As características adquiridas não são passadas para os descendentes o que se passa são as características hereditárias que estão nos genes. Isso Lamarck ainda não sabia por isso a confusão na hora de explicar a evolução.


Darwinismo

PlanetaBrasileiro